Pesquisar neste blog

domingo, 6 de maio de 2012

Marcos Roberto


Marcos Roberto Dias Cardoso, nascido em 26/06/1941 é um cantor e compositor brasileiro que fez sucesso desde a década de 1960 e na década de 1980 com a música A última carta, que ficou meses em primeiro lugar nas paradas e vendeu mais de dois milhões de discos.

Um dos cantores mais premiados, ganhou o troféu Chico Viola e vários discos de platina e diamante. Devido ao grande sucesso, participou dos principais programas de rádio e televisão da época. A música "A Última Carta" originalmente é do compositor potiguar Antonio Marcelino Vieira, de nome artístico AMV, falecido em 2006, que doou a letra e a melodia a Marcos Roberto, por ocasião de uma apresentação que este último fazia numa pequena cidade do Rio Grande do Norte, em 1970. A doação de músicas - por pequenos compositores a artistas de renome nacional - era um fato corriqueiro nos anos 60/70, no Nordeste brasileiro.

Marcos Roberto continua compondo músicas e atualmente é produtor de novos cantores e bandas musicais. Marcos Roberto foi um dos nomes ligados à Jovem Guarda, nos anos 60, participante do consagrado programa comandado por Roberto Carlos, na TV Record. Participou com grande brilho do show da Rádio América, em 15 de março de 1968, no antigo Cine Piratininga do Bras, espetáculo comandado por José Paulo de Andrade, Sergio de Freitas e Newton Miranda, apresentadores de uma das programações jovens de maior audiência no rádio, na época.


Marcos Roberto A Ultima Carta

Para assistir no youtube, clique aqui

A Última Carta
Marcos Roberto

Eu resolvi a lhe escrever a última carta
Para pedir mais uma vez a sua volta
Com sua ausência eu sofro tanto
E não consigo acreditar
Que você já me esqueceu e não quer voltar
Se você sentisse a saudade que eu sinto agora
Mandaria a carta que eu espero logo sem demora
Nossa casa sem você é triste não é mais aquela
Mas posso dizer que a felicidade ainda aqui te espera
Mas posso dizer que a felicidade ainda aqui te espera
Tento dormir mas a saudade não me deixa
È meia noite e outra vez estou chorando
Está carta manchada de lágrimas
Mais uma vez vai lhe dizer
Que estou morrendo apaixonado por você
Se você sentisse a saudade que eu sinto agora
Mandaria a carta que eu espero logo sem demora
Nossa casa sem você é triste não é mais aquela
Mas posso dizer que a felicidade ainda aqui te espera
Mas posso dizer que a felicidade ainda aqui te espera
Escreva-me, escreva-me, escreva-me a última carta, a a última carta.



Marcos Roberto -- Será?

Para assistir no youtube, clique aqui

Será?
Marcos Roberto

Será?
Que Você não percebeu
que o meu amor
é todo seu.
Será?
Será?
Que eu tenho que chorar.
Prá Você me acreditar.
Será?
Será que Você
já tem alguém.
E então, não
pode amar ninguém.
Meu Deus, eu só
quero ter Você,
eu Preciso de Você.
Sem Você,
o que será.
será.
Será?



Marcos Roberto - Que me Importa a Saudade

Para assistir no youtube, clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário